Voluntário Bruno e Tocha Olímpica 2016 - Jardim dos Sentidos & Nissan

por Projeto Água

Nosso Voluntário Bruno do Nascimento Padilha Velasco foi uma das 12 mil pessoas a conduzir a Tocha Olímpica 2016. 

Bruno foi escolhido pelo patrocinador Nissan para esta ação, devido à idealização do Programa Jardim dos Sentidos do Projeto Água. 

 

PARABÉNS BRUNO, PESSOAS COMO VOCÊ FAZEM A DIFERENÇA!

__________________________________________________________

 

Prezados Amigos,

Agradeço a Nissan pela oportunidade ter sido uma entre 12 mil pessoas a conduzir a Tocha Olímpica por uma das 326 cidades brasileiras. Algo único e extraordinário que culminou com o acendimento de duas piras olímpicas na cidade do Rio de Janeiro. Uma no Maracanã e outra na Candelária. Agradeço ainda mais pela matéria citando o trabalho que venho realizando por intermédio de Lions Internacional. Para mim foi uma alegria incontida tamanho atrevimento. Como dito na matéria idealizei o trabalho sobre o Jardim dos Sentidos inspirado na própria revista de Lions Internacional editada no Brasil e através da parceria com a ONG Projeto Água podemos tirá-la do papel e concretizar a ideia.

Há um vídeo feito no dia da inauguração do Jardim dos Sentidos que gostaria de compartilhar com vocês.  A inauguração foi no dia 12/12/2012, às 12h, como contraponto a alusão do fim do mundo no dia 21/12/2012 pelo Calendário Maia.  No vídeo há uma música do Jota Quest, O Sol, cantada por um Coral de Pessoas Deficientes Visuais. O refrão da música diz o seguinte: 

“E se quiser saber pra onde eu vou,

Pra onde tenha sol, é pra lá que eu vou

E se quiser saber pra onde eu vou,

Pra onde tenha sol, é pra lá que eu vou” 

Assistam ao vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=whK5LzbPsx4 

No dia 21 de abril de 2106 a chama olímpica foi acesa às 6h53 (no horário de Brasília) em cerimônia que remete aos Jogos da Antiguidade. Um elenco de 29 atores e 13 dançarinos reviveu o ritual grego. No papel de alta sacerdotisa, a atriz Katerina Lehou acendeu a chama Olímpica com a “skaphia” - suporte de espelho côncavo que converge os raios do sol para um ponto específico. Ao lembrar que um coral de pessoas deficientes visuais cantava “Pra onde tenha sol, é pra lá que eu vou” e que a Chama Olímpica foi acesa com a convergência dos raios do sol é de deixar qualquer um mais emocionado ainda. 

Um dos objetivos de Lions Internacional é “Criar e promover o espírito de compreensão entre os povos da Terra”. Thomas Bach, presidente do COI em discurso que precedeu ritual da chama disse que "A chama Olímpica vai espalhar valores de tolerância, solidariedade e paz. Em um mundo abalado por crises, a mensagem de que a humanidade é maior do que as forças que nos separam é mais relevante do que antes". Em virtude da Chama Olímpica simbolizar valores humanitários tão arraigados na entidade que faço parte que está comemorando 100 anos de existência criamos um Pin (vide foto anexa) para comemorar esse momento de jubilo. Ao ver a homenagem ao meio ambiente na abertura das Olimpíadas no Maracanã e organizar campanhas de reflorestamento fiquei realmente muito feliz. 

A história do Jardim dos Sentidos está contada na revista que me inspirou a concretizar a ideia.https://issuu.com/lionbrasilsudeste/docs/revista_lion_77_issuu

Da mesma maneira a revista também fez uma matéria sobre o reconhecimento de Lions Internacional considerando o Jardim dos Sentidos como um dos 100 marcos da história do centenário da instituição, fundada em 1917, tendo sido escolhido de forma independente pela empresa americana History Factory, segunda maior empresa de comunicação corporativa do mundo.https://issuu.com/lionbrasilsudeste/docs/revista_lion_92_-_issuu 

 

Agora mesmo, durante todo o período dos jogos olímpicos a Tocha que tive a honra de conduzir está em exposição no “centro do Centro” de Petrópolis na Ótica Martinho Jóias. A cessão da Tocha foi feita graciosamente a pedido do dono da ótica, Álvaro Martinho. Um pedido que eu não poderia recusar. Quando fui presidente do Lions Clube de Petrópolis Itaipava, Álvaro me acompanhou por cinco asilos da cidade montando os óculos para os idosos que precisavam. A sua loja tem os troféus e medalhas que são distribuídos para todos os campeonatos esportivos realizados na cidade.  Para que os campeonatos não deixem de ser realizados ele concede todos os descontos e prazos possíveis incentivando os organizadores esportivos a promoverem as atividades. Além disso, já ajudou com dinheiro do próprio bolso vários atletas a participarem de competições em todo Brasil. Sem contar que a pedido de um dirigente de um pequeno clube manteve durante anos a passagem de ida e volta de uma jogadora de futebol que morando em Juiz de Fora fazia Educação Física em Petrópolis e que hoje foi contratada por um time de futebol nos Estados Unidos. Para ele que faz parte do Tribunal Arbitral teria sido a realização de um sonho ter conduzido a Tocha Olímpica. Mas ficou muito honrado em ter colocado em exposição a Tocha Olímpica na Sala dos Troféus e mais contente ainda com a satisfação das pessoas em poder ver, para alguns esse é o momento mais próximo que terão das Olimpíadas no Rio de Janeiro.    

Mas ainda mais importante do que tudo dito acima foi a emoção que pude compartilhar com a minha família, deixando a todos realmente muito emocionados como no vídeo a seguir: https://www.youtube.com/watch?v=R2kxBT15HLU  

A todos vocês da Nissan o meu mais sincero muito obrigado. Agradeço de coração.

Bruno do Nascimento Padilha Velasco

Galeria de fotos

Continue lendo...

17ago2016
Mensagens do Projeto Água

Receba nossos informativos

Nome:

videos



campanhas

veja mais

onde estamos